terça-feira, 19 de setembro de 2017

FOTOS DA PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL RESTAURADAS EM CORES

   Para o 100º aniversário da "Guerra para acabar com todas as guerras", uma equipe da Universidade Aberta do Reino Unido buscou através de arquivos fotográficos encontrar imagens significativas da Primeira Guerra Mundial. A Universidade contratou um especialista em restauração de fotos para colorir algumas imagens e o resultado ficou bem bacana. Veja algumas fotos.


Members of the 1st Australian Imperial Force at a camp in Australia around 1916. Photo from State Library of South Australia/the Open University
Os membros da Primeira Força Imperial Australiana em um acampamento na Austrália (1916).

Photo from the London Transport Museum. Restoration by the Open University
Pombos-correio viajavam em pombais construídos na parte traseira do ônibus. 

Photo from the State Library of South Australia. Restoration by the Open University
Crianças passeando durante um  evento para angariar fundos para a Cruz Vermelha, em Adelaide, na Austrália. A Cruz Vermelha foi fundada em 1881 por Clara Barton, em Washington, DC, mas cresceu aos trancos e barrancos durante a Grande Guerra. Em 1914, a organização de ajuda tinha apenas 17.000 membros. Em 1918, a participação cresceu para 20 milhões.

Photo from The British Library. Restoration by the Open University
As armas químicas eram uma ameaça para a saúde humana. Infantaria indianas usa máscara de proteção nas trincheiras em 1915.

Photo from the Canadian Library and Archive. Restoration by the Open University
Membro do Corpo de Veterinários Canadenses e seu cavalo, ambos usando máscaras.
    
Photo from The British Library. Restoration by the Open University
Confortos pessoais eram poucos para os soldados nas trincheiras. Acima, um soldado recebe um corte de cabelo de um barbeiro na frente albanesa (1918).

Photo from the State Library of South Australia. Restoration by the Open University
Cleveland Frank Snoswell retorna para Adelaide após o fim da Grande Guerra. Mais de 60 mil dos mais de 400 mil soldados australianos que serviram morreram durante os conflitos.

Terceiro Batalhão de Infantaria do exército canadense com seu mascote (agosto de 1916).

Grupamento de soldados avança pelas trincheiras sobre sacos de areia (1915).

Regimento de artilharia de campo do Império Alemão com um Felkanone 96 (1914).



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...